Wargames e o advento dos RPGs

By Marcus Quixabeira (English)

Difícil falar em RPG e não lembrar da série japonesa Final Fantasy, sobretudo se você nasceu antes no inicio da década de 1990. A história de série começou em 1987 quando o também japonês Hironobu Sakaguchi, em uma tentativa FINAL de salvar a Square – que atravessava uma grave crise financeira – concebeu aquilo que mais tarde se tornaria o maior sucesso da produtora por todo o globo.

Dez anos mais tarde, em 1997, A série Final Fantasy atingiu seu apogeu com o lançamento do muito bem criticado Final Fantasy VII para a plataforma Sony PlayStation. Essa edição trazia tudo aquilo característico das edições anteriores: inúmeros personagens, cada um com suas próprias histórias, habilidades e conflitos; um mundo vivo, repleto de aventuras e perigos; excelente trilha sonora e mais algumas características que somente a tecnologia da época tornaria possível de se realizar, tais como, personagens totalmente poligonais movimentando-se em ambientes pré-renderizados e vários minutos de cenas em animação gráfica de qualidade estonteante para sua época, algo inovador e de extrema ajuda para o desenrolar da  belíssima história e suas reviravoltas. Não bastasse isso, FF VII apresentou inúmeras inovações para o sistema de batalhas, que apesar de ainda serem em turnos, agora eram apresentadas totalmente em 3D, com personagens e monstros super bem modelados, animados e capazes de encher as telas com explosões e cores de suas magias super bem ambientadas e condizentes com o universo FF. Todas essas características juntas fizeram do FF VII um divisor de águas e um marco no gênero de RPG eletrônico.

Final Fantasy VII (http://www.gamershell.com)

Final Fantasy VII (http://www.gamershell.com)

Certo, mas e agora eu lhe pergunto: Como e quando esse tal RPG surgiu? Se você já sabe, ótimo, é possível que você já tenha se aventurado por aí com um grupo de amigos, derrotando orcs e kobolds saqueadores em alguma masmorra abandonada, ou salvando uma donzela indefesa de um mago insano e seus capangas enfeitiçados. Se não, ótimo também, pois você agora vai conhecer um pouco mais sobre esse jogo, hoje tido como um gênero e com quase quarenta anos de existência.

Antes de tudo é necessário saber que RPG não surgiu com Final Fantasy. RPG ou Role Playing Game, que ao pé da letra significa jogo de interpretação de papeis ou personagens, é um jogo de mesa e surgiu oficialmente em meados da década de 70, bem antes dá excelente série eletrônica FF. Os primeiros RPGs foram baseados em historias e mundos fantásticos como os de J.R.R. Tolkien e criados a partir de outro tipo de jogo também de mesa bastante comum, os Wargames. Em um wargame, os jogadores controlam exércitos que são miniaturas ou outros marcadores, por uma região repleta de inimigos, comumente um tabuleiro quadriculado, a fim de cumprir uma determinada missão utilizando-se de bastante estratégia, alguma sorte nos dados e combates massivos. Alguém aí se lembrou do famoso War? Pois bem, é um excelente exemplo de wargame e o nome diz tudo.

 De uma forma bastante resumida, os criadores do RPG (Gary Gygax e Dave Arneson) alteraram e expandiram os wargames – que tem sua essência restrita ao combate e à estratégia – adicionando a ele um conjunto de regras que iriam permitir que os jogadores criassem seus próprios personagens, os interpretassem e agissem como quisessem, viajando, aventurando-se e combatendo monstros terríveis nos mais variados tipos de ambientes, dentro de um mundo e de uma história contada e criada pelos próprios jogadores. Tudo acontecendo em suas imaginações.

Foi com o advento dos wargames e posteriormente com o surgimento dos RPGs que surgiram os inúmeros conjuntos de sistemas, regras e termos bastante conhecidos nos jogos eletrônicos de hoje tais como batalha em turnos, health ou hit points, classe, raça e tantos outros termos bastante corriqueiros. Esses dois tipos de jogos influenciaram e ainda influenciam muitos jogos eletrônicos produzidos atualmente, gerarando no decorrer dos anos inúmeros gêneros variantes – como os jogos de Estratégia em Tempo Real, os Tower Defense (plants vs. zombies, pessoal) e os RPGs de Estratégia – e arrebatando milhões de fãs por todo o mundo.

Os Wargames eletrônicos (e também RPGs de Estratégia) ou os de mesa são ideais para aqueles jogadores que procuram um jogo onde sejam necessários o uso de bastante estratégia, gerenciamento minucioso de recursos, ação em turnos e muito desafio. Vai encarar?

Wargames and the birth of the RPG (translated by: Erick Passos)

It is difficult to talk about RPGs and forget about the japanese series Final Fantasy, especially if you were born before the early 90s. The series´ history began in 1987, when Horinobu Sakaguchi, in a FINAL attempt to save Saquare – then in a severe financial crysis – has conceived the game that would later become the publisher´s largest success.

10 years later, in 1997, the Final Fantasy series reached its apogee with the release of the righly regarded FF VII for Playstation. That instalation brought everything that made the series what it was: lots of interesting characters, an alive world, full of dangers and adventures, an excelent sound track, and the most impressive rendered CG of the time. Besides all that, FF VII brought innovations in the battle system, that were still done in turns, were fully presented in 3D, with lots of explosions, colors and details. All those features made FF unique in the electronic RPG genre.

Well, but now I ask you: how and when were this RPG genre born? If you already know, great, it is possible that you´ve already adventured around with a group of friends, killing orcs and raiding kobolds in an abandoned dungeon, or maybe saving an innocent lady from an insane wizard and his enchanted bandits. If you´ve not, it is also great, now you´ll get to know more about this type of game, now almost 40 years old already.

To summarize, the creators of the RPG (Gary Gygax e Dave Arneson)  changes and expanded wargames – which are restricted to strategy and combat – adding a set of rules to enable the players to create their own characters, to role play them at will, traveling, adventuring and challenging menacing monsters in a world and story that is also created by the players themselves. All depends on your imagination.

First of all, Final Fantasy was not the birth of the RPG. Role Playing Games are board games that were born in the midle 70s, long before their electronic counterparts. The first RPGs were based on fantasy stories such as those of J.R.R. Tolkien, and derived from other type of board game, the Wargames. In a wargame, the player controls armies or groups of soldiers, often represented by miniature figures, normally in a regular cell-board (square cells, such as chess; or hexagonal). Wargames rely on lots of strategy, and sometimes some luck on dice. Does anybody remember the boardgame war? That is one of the most famous wargames ever created, but there are many many more.

With the advent of wargames, and later theRPGs, that the countless systems and sets of rules of today were born. Terms such as turn based combat, health and hit points, class, race, and many others. These two genres are very influential to many nowadays electronic games, producing many derivative genres such as real-time strategy (RTS), tower defenses (plants vs. zombies everyone), gathering milions of fans all around the world.

Electronic wargames (and also strategic RPGs) are ideal to gamers who want to stress their brains on strategy, resource management, turn based action and lots of challenges. Are you ready?

2 thoughts on “Wargames e o advento dos RPGs

  1. Eu admiro muito esses jogos, pois neles vence aquele jogador que tem a estratégia mais brilhante, ainda que este tenha uma certa desvantagem material. RPG, pelo menos pra mim, é sinônimo de guerra cerebral.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s